Desenvolvendo e testando a IoT

A IoT conecta objetos físicos através da Internet e monitora, através de sensores nesses objetos, desde temperatura, movimento, localização até condições físicas do usuário, indicação de medicamentos, horários de utilização, etc.

Isso significa que todos esses dispositivos, sua interação e redes precisam ser testados.

Na edição nº 28 da revista Testing Experience, encontramos orientações valiosas para quem está desenvolvendo e testando IoT. Veja aqui as melhores práticas para a organização e testadores:

▪ Utilização de especificações de teste claras para melhorar a qualidade;

▪ Uso da ferramenta de automação de testes para reduzir o tempo de colocação no mercado;

▪ Analisar os requisitos funcionais do produto e casos de uso para testes eficazes;

▪ Determinar métricas de teste que medirão o impacto do IoT;

▪ Destacar previamente os problemas de prioridade máxima que precisam ser

Abordados;

▪ Aumentar as conexões do dispositivo para obter mais valor de IoT.

24-03-2017 (1)

 

Fonte: www.testingexperience.com/issues/testingexperience28_12_14.pdf

 

Compartilhe...
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

CONTINUOUS TEST AUTOMATION - WHITE PAPER

Conheça uma abordagem ágil e escalável para seus projetos de automação de testes.

BAIXE O WHITE PAPER