DevOps, uma tendência de sucesso

Todo mundo que trabalha com tecnologia já ouviu falar do termo DevOps, mas pouca gente é capaz de defini-lo com exatidão. DevOps visa quebrar as barreiras e prioridades conflitantes que muitas vezes existem entre o desenvolvimento e as equipes de operações, tais como gastos do projeto, o desempenho do aplicativo e requisitos funcionais. Isto permite-lhes trabalhar em conjunto, entregando sistemas em produção de forma confiável, segura e rápida. DevOps é uma cultura, e não uma técnica ou tecnologia específica, que transforma a experiência de TI em ciclos curtos de alto valor. Tem como objetivo desenvolver uma relação de trabalho colaborativo e a adoção de um conjunto comum de boas práticas para entregar serviços de TI que agregam valor ao negócio. Está fortemente associado a um conceito vertical de produção enxuta, integração permanente e implantação contínua.

Justamente por se tratar de uma nova fronteira na cultura de TI, talvez a principal pergunta não seja “o que é DevOps?”, mas sim “por quê DevOps?”. A atenção que o DevOps tem recebido nos últimos tempos dá uma pista de sua importância, principalmente para médias e grandes empresas. É de extrema importância para os gestores de TI entenderem as pesquisas recentes que apontam os grandes benefícios da implantação da metodologia DevOps: diminuição dos custos com a infraestrutura; a velocidade para acelerar o time-to-market em até 30%; a importante redução de falhas de código que pode chegar a 80%; e principalmente o aumento da satisfação do cliente final.

O DevOps impacta todo o ciclo de entrega das aplicações da companhia.  Seja a partir da melhora na frequência de implementação, o que pode levar ao lançamento mais rápido no mercado, ou na diminuição dos prazos de entrega para novas versões com menor índice de falhas, o objetivo do DevOps é maximizar a previsibilidade, aumentar performance, a segurança e tornar menos custosa a manutenção dos mais simples aplicativos móveis até os mais complexos sistemas transacionais.

O fundador da empresa de software Tripwire e coautor do livro O Projeto Phoenix, Gene Kim, é um defensor fervoroso do DevOps. Para ele, a prática resolve o problema mais importante de negócios da nossa geração, que é ajudar as organizações a fazerem a transição do bom para o ótimo, correlacionando DevOps ao sucesso do bussines. Segundo ele, TIs de alto desempenho que incorporam DevOps são muito mais ágeis e confiáveis. O relatório Puppet Labs 2014 já indicava que as TIs de alto desempenho são duas vezes mais suscetíveis a exceder a rentabilidade, quota de mercado e metas de produtividade, bem como desfrutar de 50% maior crescimento de capitalização de mercado.

Com uma vasta experiência no mercado de testes de softwares, a Prime Control aposta na automatização para agilizar o processo de entrega e reduzir os custos e as falhas humanas. A Prime Control oferece consultoria para companhias que buscam implementar o DevOps com vistas a melhorar qualidade e produtividade. Seguindo uma cultura de proximidade com o cliente, a Prime Control orienta e auxilia na implementação mantendo seus analistas de prontidão até que o processo esteja completo e sem intercursos.

CONTINUOUS TEST AUTOMATION - WHITE PAPER

Conheça uma abordagem ágil e escalável para seus projetos de automação de testes.

BAIXE O WHITE PAPER