5 Mitos sobre DevOps

Reduzir custos, aumentar a eficiência e aprimorar o fluxo dos trabalhos de desenvolvimento são alguns dos benefícios trazidos pelo DevOps.

Para incorporar essa prática, porém, é preciso compreendê-la, e para isso é importante romper alguns mitos que ganharam força ao longo dos anos.

Vamos falar sobre 5 dos maiores mitos que cercam o DevOps – e os fatos que os derrubam.

Mito 1: A automação é suficiente para eliminar gargalos

Reconhecidamente, a automação bem feita é um dos benefícios trazidos pelo DevOps. Contudo, ela não pode ser tratada como uma panaceia.

Automatizar os pipelines de Continuous Integration/Continuous Delivery pode, sim, ajudar a eliminar os gargalos entre o code commit e a implantação. Contudo, é apenas uma etapa do processo de entrega: se os desenvolvedores e os testadores não trabalharem em harmonia (como o DevOps propõe), o mais provável é que os gargalos simplesmente mudem de lugar no processo.

Mito 2: DevOps exige Continuous Deployment

Embora o DevOps, ao aprimorar os processos anteriores, permita uma implantação contínua, o continuous deployment não é algo obrigatório para a metodologia.

Há casos de uso em que é prudente “segurar” as implantações ao invés de enviá-las para produção o quanto antes. Por exemplo, é possível que os usuários não queiram receber frequentemente novas versões do software porque preferem ter tempo para ambientar às novidades, ao invés de ser bombardeados com atualizações disruptivas.

Enviar lançamentos completos para o staging sem implantar para a produção tem suas vantagens. Cada lançamento é criado e validado em um ambiente pré-produção, e estará pronto para a implantação sob demanda sem alienar usuários que preferem atualizações mais espaçadas entre si.

Mito 3: O Ágil é indispensável ao DevOps

Este mito surge de uma visão um tanto simplista das duas práticas. Na verdade, o DevOps e o Ágil podem ser complementares… ou competir entre si.

Trabalhar com mudanças pequenas e incrementais é uma prática comum tanto ao DevOps como ao Ágil. Porém, organizações que buscam o Ágil estão focadas em otimizar o braço de desenvolvimento do pipeline, e podem ter dificuldades com o DevOps, que mira em otimizações de ponta-a-ponta.

Naturalmente, o caminho mais apropriado é harmonizar as duas abordagens para obter sinergia e extrair o melhor de ambas.

Mito 4: DevOps se aplica a qualquer Produto/Serviço/Aplicação

Há um risco em tentar incorporar uma metodologia (como o DevOps ou o Ágil) “porque todo mundo está fazendo isso”: há casos em que os investimentos em pessoas, processos e mudanças de tecnologia necessários à implementação não compensam.

Um exemplo é o de aplicações que raramente passam por mudanças significativas e só precisam de atualizações pequenas e que não envolvem disrupção. Também é o caso de organizações com silos muito consolidados, e que podem considerar muito frustrante e contraproducente implementar o DevOps.

Para aplicações que possuem poucas ferramentas compatíveis com o DevOps, a transição pode ser cara demais para compensar. Assim, antes de mirar no DevOps, é preciso conhecer o cenário da sua organização e do seu produto.

Mito 5: O que funcionou para Amazon/Google/Facebook vai funcionar para a sua empresa

O raciocínio não está 100% errado: se uma empresa de sucesso global implementou uma metodologia ou prática e teve bons resultados com ela, é um bom sinal, e talvez você devesse tentar fazer o mesmo. O problema está em não pensar no contexto e nem nos passos dessa implementação.

Essas organizações escolheram e construíram ferramentas e processos que funcionavam bem para elas, e estão em constante aprimoramento. Isso não quer dizer que você deve seguir a mesma fórmula que elas (aliás, é muito improvável que tenham seguido um mesmo caminho).

É preciso se perguntar o que vai trazer sucesso para a sua organização, dentro do seu contexto, com as suas forças e limitações. Aí é que está a essência do DevOps.

 

A sua organização pode atingir um novo patamar. Clique aqui para agendar uma conversa com um de nossos especialistas.

E-books e Relatórios

Conheça nossa base de ebooks, artigos, relatórios e cases. Aprenda sobre as boas práticas de testes, qualidade de software e muito mais.

Tudo disponível para download gratuitamente.