Como o RPA ajuda a se adequar à LGPD

A Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) está no radar dos empresários brasileiros desde que foi anunciada em 2019 – e, conforme se aproxima o fim do prazo para adequação, a preocupação aumenta.

As exigências incluem maior transparência e segurança sobre os dados de consumidores, e as multas por inadequação podem chegar a 2% do faturamento (até o teto de R$50 milhões).

A RPA se mostra uma aliada natural na adequação à LGPD, dando maior precisão e agilidade à coleta e ao processamento de dados.

Precisão máxima

Um dos pontos fortes da RPA é a redução de falhas humanas em processos – o que por si só já ajuda a elevar a segurança na coleta, armazenamento e utilização de dados sensíveis, facilitando a adequação.

Além disso, é possível implementá-la na autorização do uso de dados, para verificar ou confirmar o consentimento dos clientes e, se for o caso, revogar solicitações com rapidez. Uma solução de RPA também pode implementar decisões de alto nível para agir conforme o resultado das solicitações.

A precisão no gerenciamento permanece consistente mesmo que os dados estejam espalhados em vários sistemas corporativos.

No que diz respeito ao tratamento dos dados, a RPA pode adequá-los às normas de anonimato (como uso de pseudônimo para os usuários e mascaramento de dados financeiros) e alertar o usuário contra potenciais violações de dados.

Por fim, a RPA pode auxiliar a auditoria, organizando os dados e facilitando seu acesso.

Quer saber mais sobre RPA e sobre como implementar esse tipo de solução na sua empresa? Confira nosso artigo sobre o tema.

Conte com a Prime Control para implementar soluções em RPA sob medida para a sua organização. Temos uma equipe de experts com conhecimento das mais diversas ferramentas. Clique aqui e agende uma conversa com um de nossos especialistas!

Testes End-to-End no mundo SAP

Como testar processos complexos e integrados aos sistemas SAP

Ambiente SAP são complexos e interligados à várias outras plataformas, formando uma teia de dados difícil de gerenciar, garantindo segurança e estabilidade das aplicações.

Neste White Paper apresentamos alguns destes desafios e também algumas abordagens que podem lhe ajudar a solucionar estes dilemas.

Baixe agora mesmo